O libanês mais forte que o Marajó já viu: João grande ou Aziz Abdon Khalarg por Everton Jaime

Edinaldo Jaime, recebi de meu irmão Everton Jaime no meu e-mail Brasileiramente, Àrabes!, sou neto de Libanes Aziz Abdon Kharlarg, e me deixou a repassar a fita da minha memória que, quando criança foi para Caixoeira do Arari na Ilha deo Marajó, onde meu avô se radicou e e mudou o nome para João Jaime e passou ao eu filho que foi batizado com o nome João Jaime Filho é o meu pai, que na família passou o nome para seu filho João Jaime Neto .

Hoje tenho quatro filhos Israel Jaime, Lidiana Jaime, Eduarda Jaime. Maria eVitória Jaime minha esposa que seu pai Armed é filho de Libanes Atualmente residindo em Rio Branco/AC, onde conheci familiares de Arabes em Brasileia. e a, Epitaciolândia, Cruzeiro do Sul, Sena Madureira e em outros municipios por onde passei a trabalho.

Estou duplamente feliz, primeiro pela emoção de rever meu avô, João grande, homem que nos seus ensinamentos deixou frutos maravilhosos, principalmente no sentido de amor e união da familia. saudades que me faz lembrar de quando criança iamos pedir a sua benção, apertava a ponta do dedo indicador e tinhas de dizer “ai Jesus, Maria José,vovô me solte”.

A segunda, por esse profissional dedicado desde cedo a literatura e as letras no sentido geral, se assim posso dizer,primo Dario Jaime que nos honra, participando com seus colegas, da direção desta peça, que para nós, é um documento histórico de resgate das origens e das lembranças dos momentos felizes, que ate hoje, passamos. Muito obrigado Dario Jaime, que Deus te abençõe sempre, de seu primo Everton Jaime e filhos Gabryel Karlage e Maryana Jaime.

~ por Karine Jansen em Abril 8, 2010.

4 Respostas to “O libanês mais forte que o Marajó já viu: João grande ou Aziz Abdon Khalarg por Everton Jaime”

  1. Eras eu fico muuuuito feliz em ver um Abdon. Eu queria muito saber quem era meu bisavô, qual o nome dele. o nome do meu avô é Alcindo Abdon, nascido na cidade de Chaves no Marajó! Ele era muito conhecido na cidade, foi vereador e só não foi prefeito pq não quis.
    Morreu aos 72 e dois anos, mas tem muitos irmão vivos. Sinto muitas saudades. Era um homem maravilho e de humor incomparável.

  2. Sou neto de libanes, segundo histórias contada por minha mãe e meus tios, o vovô chegou no BRASIL e se estabeleceu em mosqueiro e na vigia, tinha canoa de pesca, inclusive uma dela era a AMINENSE, em homenagem ao meu tio AMIM. Conta minha mãe que ele veio com quatro primos da família JORDY, como posso saber mais detalhes. Meus tios da VIGIA- e PORTO -SALVO-PARÁ- Salim, Amim, Latife,Alzira,…

  3. Pai João, como eu o conhecia, ou melhor, como ouvi falar de minha avó – Anice Jaime Gomes – obviamente filha do mesmo. Não tive a oportunidade de conhecê-lo, mas sei de sua história. Só pude conhecer a “Vó Violeta”. Que bom ver este ‘achado’. Bom demais!

  4. Fiquei surpresa em saber que sou bisneta de Aziz Abdon KhARLARG! Sou neta de Anice Jaime, uma das filhas dele! Tudo que está escrito no blog meus tios contam exatamente. Pai João era um grande comerciante da ilha do Marajó, dono de um humor indescritível!

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

 
%d bloggers like this: